Translate

3 de março de 2021

Recorde de vitórias seguidas da Desportiva

 A Desportiva Ferroviária é famosa por ficar 51 partidas invicta entre 1967 e 1968, a 3ª maior sequência no Brasil só perdendo para Botafogo e Flamengo ambos do RJ com 52 partidas, mas o que poucos sabem que nesta partida começou outro recorde histórico grená, o de maior número consecutivo de vitórias, foram 12 triunfos seguidos entre 31 de março a 30 de maio de 1968.

Tudo teve início no dia 10 de março no amistoso preparatório contra o Alagoanos de Vitória que também se  preparava para jogar o Campeonato Suburbano que era como se chamada a Série B, goleada por 3x0 foi o ponto de partida, nas 12 vitórias seguidas foram marcados 30 gols contra apenas 4 sofridos, mais curioso é que nenhum dos gols sofridos foi por competições oficiais apenas amistosos. Para se ter ideia da dificuldade de se vencer tantas partidas seguidas, em 1967 por exemplo nas 51 partidas sem derrotas o máximo de vitórias seguidas só chegavam a 05 vezes(em 3 oportunidades) 

1ªPartida: Desportiva 3x0 Alagoanos(ES)
Local: Engenheiro Alencar Araripe, Cariacica(ES)
Competição: Amistoso estadual
Data : 10 de março de 1968 


2ª partida: Desportiva 1x0 Americano(ES)
Local:  Engenheiro Alencar Araripe, Cariacica(ES)
Competição: Taça Cidade de Vitória 
Data : 31 de março de 1968

3ª  Partida: Botafogo(BA) 1x2 Desportiva
Local: Estádio Octávio Mangabeira (Fonte Nova), Salvador-BA
Motivo: Amistoso Interestadual
Data : 07 de abril de 1968


4ª Partida: Itabuna(BA) 1x2 Desportiva
Local: Estádio Octávio Mangabeira (Fonte Nova), Salvador-BA
Competição: Amistoso Interestadual
Data : 09 de abril de 1968


5ª Partida: Desportiva 1x0 Caxias(ES)
Local:  Engenheiro Alencar Araripe, Cariacica(ES)
Competição: Taça Cidade de Vitória
Data : 14 de abril de 1968
Noquinha marcou gol da vitória


6ª Partida: Vitória/ES 0x1 Desportiva 
Local : Salvador Venâncio da Costa, Vitória/ES
Competição : Taça Cidade de Vitória 
Data : 20 de abril de 1968
Betinho marcou gol da vitória


7ª partida: Desportiva 3x1 Rio Branco de Venda Nova(ES)
Local : Engenheiro Alencar Araripe, Cariacica-ES
Competição: Amistoso estadual
Data : 30 de abril de 1968

8ª partida: Desportiva  5x1 Ferro e Aço(ES)
Local : Engenheiro Alencar Araripe, Cariacica/ES
Competição : Amistoso Estadual
Data : 01 de maio de 1968
Alfredo foi destaque marcando 4 gols

9ª partida Desportiva 3x0 Santo Antônio(ES)
Local : Engenheiro Alencar Araripe, Cariacica/ES
Competição : Taça Cidade de Vitória
Data : 05 de maio de 1968

10ª partida : Desportiva  1x0 Rio Branco(ES)
Local : Engenheiro Alencar Araripe, Cariacica/ES
Competição : Taça Cidade de Vitória 
Data : 12 de maio de 1968
Fraga marcou o gol da vitória

11ª partida : Americano(ES) 0x1 Desportiva
Local : Governador Bley, Vitória-ES
Competição : Taça Cidade de Vitória 
Data : 26 de maio de 1968


12ª partida : Santo Antônio(ES) 0x7 Desportiva 
Local : Rubens Gomes, Vila Velha/ES
Competição : Taça Cidade de Vitória
Data : 30 de maio de 1968
Zezinho Bugre foi destaque marcou 4 gols. Aqui a Tiva chegava ao recorde de vitórias consecutivas com chave de ouro.











 

26 de fevereiro de 2021

Estádios que a Desportiva conquistou títulos

 Como temos casa diferente de vários times por aí, o Engenheiro Alencar Araripe é o estádio onde mais levantamos troféus, mas como sua inauguração se deu quase 4 anos após a fundação do clube, o Araripe não foi o primeiro nem o segundo estádio a ver a Tiva dar a volta olímpica. O primeiro troféu foi conquistado em 1964 no Estádio Salvador Venâncio da Costa em Vitória quando derrotou o próprio Vitória por 2x1, a competição  foi o Torneio Triangular Aniversário 413 anos de Vitória, disputado contra Vitória e Americano/ES(3x1), título conquistado em  26 de setembro daquele 1964, Cunha aos 10 1º tempo e Bezerra aos 09 do 2º tempo balançaram as redes no triunfo por 2x1. 

O primeiro título no Eng° Araripe aconteceu em 1967, o título foi o estadual conquistado de forma invicta. O jogo do título foi a vitória por 1x0 sobre Rio Branco em 17  de dezembro de 67, A Tiva foi a campo com 01-Edalmo 02-Mateus 03-Roberto Almeida 04-Simonassi 05-Wilson 06-Cezar 07-Maurélio 08-Dennison 09-Silvinho 10-Moreira e 11-Fraga. Técnico : Paulo Emilio. Mateus fez o gol do título de pênalti aos 30 do 2º tempo. Cachoeiro de Itapemirim, Linhares e Aracruz foram outras cidades a ver a Tiva comemorar títulos. Gov Bley e Kleber Andrade também foram salão de festas grená.



Engenheiro Alencar Araripe-ES, sem contar títulos de turnos ou fases classificatórias são 2 troféus definitivos e oficiais.

Campeonato Capixaba 1967(invicta)

Taça Cidade de Vitória 1968

Campeonato Capixaba 1972

Campeonato Capixaba 1974

Quadrangular Desportiva Ferroviária 1974

Torneio de Verão de 1975

Torneio Governador Elcio Alvares 1976

Torneio Jones dos Santos Neves 1977

Campeonato Capixaba 1977

Campeonato Capixaba 1981

Campeoanto Capixaba 1984

Taça Grande Vitória 1988

Campeonato Capixaba 1989

Campeonato Capixaba 1992

Campeonato Capixaba 1996

Taça Unimed Sicoob 2014

Desafio Preto e Grená 2014

Campeonato Capixaba 2008 Série B

Copa Espírito Santo 2008

Campeonanto Capixaba 2016



Salvador Venâncio da Costa, Vitória-ES, depois do Araripe éa segunda casa grená.

Taça Aniversário Cidade de Vitória 1964

Taça Aniversário Cidade de Vitória 1969

Torneio Início 1967

Campeonato Capixaba 1980

Copa Espírito Santo 2012

Copa dos Campeões Capixabas 2014


Kleber José de Andrade, Cariacica-ES, títulos sempre contra o Rio Branco 

Campeonato Capixaba 1986

Campeonato Capixaba 1994

Campeonato Capixaba 2000


Governador Bley, Vitória-ES, nosso primeiro grande título foi aqui.

Campeonato Capixaba 1964

Taça Cidade de Vitória 1966(invicta)






Mario Monteiro "Sumaré", Cachoeiro de Itapemirim-ES, emoção até o final neste título importante no retorno da Desportiva Ferroviária.

Campeonato Capixaba 2012 Série B


Eugênio Biti "Bambu", Aracruz-ES, um dos títulos dos emocionantes que a Tiva já venceu.

Campeonato Capixaba 2013




Joaquim Calmon, Linhares-ES, no Norte também já foi palco de festa grená sim.

Campeonato Capixaba 1979


Estádio Arena Guanabara, Araruama-RJ

Menção honrosa para o título da 10ª edição da Tala Rio que era o Campeonato Brasileiro de futebol júnior(hoje categoria Sub-20), a última etapa antes de adentrar o profissional. Única competição nacional que o futebol capixaba conquistou. Título desbancando inclusiva a dupla Fla-Flu.

Taça Rio de 1995




16 de janeiro de 2021

Estádio Engenheiro Alencar Araripe 55 anos de inauguração

 São 55 fotos em homenagem aos 55 anos do Engenheiro Araripe Estádio da Associação Desportiva Ferroviária, inaugurado em 16 de janeiro de 1966, na partida entre Desportiva e América-RJ em Jardim América, Cariacica. 

Início das obras do estádio

Obras a todo vapor


Gramado já todo plantado, Dimensões do Gramado: 110m x 75m



Instalação da 1ª trave

Tobogã quase finalizado



Roberto Almeida(em memória), foi o autor do 1º gol da história do Araripe, na derrota por 3x0 para o América ele acabou marcando contra


Uma das torres de iluminação, o primeiro treino noturno no estádio foi no dia 19 de fevereiro de 1967. A primeira partida noturna no estádio aconteceu no dia 22 de fevereiro de 1967 entre Desportiva Ferroviária x Fluminense, vitória da Tiva, Dennilson marcou primeiro gol ao luz dos refletores,  Silvinho marcou o 2º na vitória de 2x0.








Sempre haverá luz no fim do túnel





Festa da conquista estadual de 1980

Araripe em 1984
Esta é datada de 1986


Washington comemora 1 dos 3 gols na goleada da Tiva por 3x0 sobre Comercial de Muqui na final do estadual de 1992





Detalhe da 2ª ponte em construção final dos anos 70




Antigas cadeiras do Araripe



2008 festa na Copa Espírito Santo
Dentro do gramado em 2010


2011


Primeiro clássico após finalmente clube empresa acabar em 2011

Quando se adentra do Araripe, está é a visão na arquibancada principal
Colar a cara no alambrado e aloprar o adversário!






Tempos depois já sem o querido tobogã



Imponência do tobogã que foi o maior do Brasil


Geralzinha após reforma na última década


Quando não existia foto panorâmica a gente se virava assim


Arquibancada principal 1965/66

Essa rede balançando nos trás tantas alegrias

Vista do antigo tobogã e da geralzinha




Araripe preparado para receber a Seleção da Austrália na Copa de 2014


Uma das primeiras imagens aéreas do estádio
Nossa casa em seus detalhes


Começavam as obras do calçamento entre arquibancada e gramado



Para quem não foi no tobogã era essa a visão 




Imagem do Google Earth já iniciado processo de demolição

Chegando do terminal de Jardim América as arquibancadas se impõem 


Período em que se acabou a graça da torcida ficar colada no alambrado
Retorno da Ferroviária em 2011
Festa em 2011 do tão sonhado retorno da Desportiva Ferroviária

Quando ainda existia o tobogã, na década de 2000/2010






Esta é de 2009, a saudosa sede social ainda existia
2013 naquela virada fantástica 3x2 sobre Conilon na semi final estadual

2014 Copa do Brasil


Desafio preto e grená 2014


Desportiva 2x2 Bangu/RJ pela Série D do Brasileiro de 2016, um dos jogos mais emocionantes dos últimos anos.
Fachada após reforma


final estadual 2016, Desportiva 1x0 Espírito Santo

Partida do título estadual de 2016 Espírito Santo 0x1 Desportiva