Translate

16 de agosto de 2011

Desportiva Ferroviária x Rio Branco em competições nacionais





O maior clássico do Espírito Santo já foi disputado pela primeira divisão do brasileiro por 4 vezes, em 1976 e 1978 ambos pela primeira fase do nacional, com duas vitórias da Tiva, 1 empate e 1 derrota,  além de mais 3 partidas por uma espécie de fase preliminar em 1974. com duas vitórias da Tiva e uma derrota.

=====================================================

1974
Começamos por  1974, valendo vaga na série A do campeonato brasileiro daquele ano, Desportiva e Rio Branco se enfrentaram diretamente pela vaga, as partidas de 1974 se decidiram da seguinte forma, na partida de ida deu Desportiva 1x0 gol de Zezinho Bugre, o maior artilheiro grená na 1ª divisão do brasileiro, em dia 7 de Fevereiro. Todas as 3 partidas foram jogadas no Engenheiro Araripe.

Na segunda partida o Rio Branco precisava da vitória para não ser eliminado pela Desportiva e venceu por 3x1, Zezinho Bugre fez o gol de honra grená dia 10 de Fevereiro, levando assim para a 3ª e derradeira partida.


No dia 12 de Fevereiro a partida extra para decidir qual capixaba seria o Espírito Santo no brasileiro de 1974,  Araripe   foi palco de um verdadeiro clássico, truculento, equilibrado e emocionante, e muito disputado... e a Tiva venceu por 2x1 esta partida, graças Sergio e Juci que  marcaram os gols da classificação grená, mas a classificação só saiu na prorrogação, pois no tempo normal o placar foi 1x1, Sergio fez 1x0 aos 10 e Eli havia empatado aos 43 ambos do 1º tempo de jogo. 
Juci  marcou o gol da classificação da Tiva aos 3 minutos do 1º tempo da prorrogação.

=====================================================

1976
O primeiro confronto de fato pela 1ª divisão ocorreu em uma terça feira dia 7 de Setembro uma ótima data, um feriado nacional Araripe lotado e o jogo foi quente com Juber do lado rival sendo expulso,  Edalmo, Ari, Sérgio e Valmir recebendo amarelo pelo lado grená. A partida foi vencida pela Desportiva, pelo placar de  2 x 1, com  Moreira aos 4 minutos de partida e Valmir aos 15 da segunda etapa, aos 25 Carlinhos descontou dando números finais ao primeiro clássico capixaba em competições nacionais. Com isso a Desportiva venceu a primeira partida entre os maiores clubes do estado na elite do futebol brasileiro. 





A partida pelo returno dia 17 de Outubro  teve vitória do rival por 1 x 0, nesta partida Carlinhos voltou a marcar no clássico,  aos  19 do segundo tempo novamente no Engº Araripe...Deixando tudo igual entre os maiores rivais no Espírito Santo. Beto Pretti era o técnico do nosso rival e conhecia muito bem a Desportiva onde teve um sucesso incrível

======================================================

1978
Em  2 de Abril de 1978 a partida não passou de um 0 x 0, no Araripe, deixava tudo igual, entre as duas equipes. A partida foi muito truncada e presa no meio de campo não saindo nenhum zero do placar devido a aplicação tática e física de ambas as equipes.

Ainda haveria a volta do returno, isto ocorreu  no dia 28 de maio novamente no Araripe, desta vez o confronto foi decidido para o lado grená, cartões só pelo lado do adversário com Daúca e Baiano...Os gols foram anotados por Orlando abrindo o placar logo aos 4 minutos de jogo como havia sido em 76, na primeira partida e coincidentemente veio o segundo com Dario aos 16 um minuto depois do que tinha acontecido em 76, o rio branco descontou aos 20 com Joadir, mas ficou nisso mesmo vitória grená e  2 x 1 em confrontos pela série A.

====================================================

1989
Um novo encontro em competições a nível nacional só voltou a acontecer em 1989, válido  pela série C do brasileiro, ocorreu em  dia  16 de Setembro em que o placar foi Rio Branco 2x1 Desportiva no estádio Kléber Andrade, e no returno no Engenheiro Araripe,  empate em 0 x 0  em 14 de Outubro fechando os confrontos entre as equipes em competições nacionais...

====================================================


Além de campeonatos brasileiros Desportiva e Rio Branco já se enfrentaram em outras competições a nível nacional, sendo quase 20 partidas,  como em 1968 no Torneio Quadrangular  Presidente Costa e Silva, em 3 de fevereiro no estádio Engenheiro Alencar Araripe, esta ficou marcada como a primeira partida entre as duas equipes em uma competição nacional, e a vitória foi da Desportiva por 1x0, esta foi a ultima das 51 partidas sem derrota da Tiva entre 1967 e 1968.

Em 1969 um novo confronto em mais uma competição quadrangular, empate em 2x2 no dia 30 de janeiro. No mesmo ano pelo Torneio Centro Sul, novamente os maiores rivais se encontram, na primeira partida que venceu foi o rio branco, em 21 de setembro, esta foi a primeira derrota da equipe grená para eles em competições interestaduais. Derrota que foi devolvida em 19 de outubro, com a Tiva vencendo por 3x2.

Em 1976 no Torneio Mozart Di Giorgio, empate em 0x0  em 25 de janeiro. No mesmo ano, em 28 de novembro novo 0x0, desta vez pelo Torneio Quadrangular de Vitória. Em 3 de dezembro pelo Torneio Heleno Nunes a vitória foi do rio branco por 2x0. Entre este dois torneios mais duas partidas uma empate em 1x1 na outra empate em 0x0. 1976 foi o ano com mais partidas interestaduais entre os rivais, foram 7 partidas.


Partidas em competições nacionais

Quadrangular Presidente Costa e Silva 1968
Desportiva 1x0 Rio Branco  

Torneio Quadrangular 1969
Desportiva 2x2  Rio Branco 

Torneio Centro Sul 1969
Desportiva 0x1  Rio Branco 
Rio Branco  2x3 Desportiva 

Seletiva capixaba brasileiro série A 1974

Desportiva 1x0  Rio Branco 
Rio Branco  3x1 Desportiva
Desportiva 2x1  Rio Branco 

Torneio Mozart Di Giorgio 1976
Desportiva 0 x 0  Rio Branco 


Série A brasileiro  1976
Desportiva 2 x 1  Rio Branco 
Rio Branco  1 x 0 Desportiva

Torneio Quadrangular de Vitória 1976
Desportiva 0 x 0  Rio Branco 

Taça Governador Élcio Tavares 1976
Desportiva 1x1  Rio Branco 
Rio Branco 0x0 Desportiva

Torneio Heleno Nunes 1976 
Rio Branco  2 x 0 Desportiva

Série A brasileiro 1978 
Rio Branco  0 x 0 Desportiva
Desportiva 2 x 1  Rio Branco 

Série B brasileiro 1989
Rio Branco  2 x 1 Desportiva
Desportiva 0 x 0  Rio Branco 

Total
18 jogos
06 vitórias
07 empates
05 derrotas
17 gols pró
16 gols contra

====================================================








=====================================================

Orlando fez o dele no maior rival

O maior artilheiro grená na série A também não passou em branco nos clássicos
Dario deixou o seu na conta dos artilheiros