Translate

31 de julho de 2014

Desportiva campeã capixaba série de acesso 2007

Os campeões capixabas acesso em 2007


O título de 2007 foi o primeiro nosso na divisão de acesso do futebol capixaba o outro foi em 2012 .

A campanha foi arrasadora em 10 partidas com 7 vitórias 1 empate e 2 derrotas, 27 gols marcados e 9 gols sofridos, Diego e Zé Afonso com 5 gols cada foram os artilheiros , a Desportiva massacrou quem passou em seu caminho. 

A primeira fase  foi dividida em dois grupos com 4 clubes cada , que se enfrentaram em turno e returno dentro de seus grupos, classificando os dois primeiros para a semi final, a Tiva caiu  no grupo B ao lado de Guarapari, Tupy e Unidos.

Edinho foi o maestro da Tiva neste campeonato


1ª Fase

Nossa estréia ocorreu em um domingo dia 22 de abril as 10 da manhã no estádio Engenheiro Alencar Araripe, a estréia não poderia ser melhor goleada por 3x0 diante do Tupy, e goleada é oque não faltou nessa série B a Desportiva goleou os seus 3 adversários na 1ª fase , nesta partida Diego, Edinho e Gilmar marcaram os gols na goleada da Tiva.




Na segunda partida novo massacre um contundente 5x1 no Unidos novamente em casa, a torcida viu uma partida perfeita da Tiva dentro de campo os 5 ficaram baratos no final das contas. Diego com 2 gols foi o destaque juntamente com Edinho. A goleada demorou 24 minutos para ter início, quando Egmar abriu o placar, aos 41 Diego fez 2x0, deixando a torcida com esperança de mais uma goleada. A segunda etapa começou com o Unidos diminuindo aos 5 minutos de jogo, mas a possível reação parou por aí mesmo, Diego aos 13 e Edinho aos 16 transformaram o placar em goleada que foi encerrada por Pablo aos 37 minutos de jogo, levando a torcida grená mais uma vez a sair rindo de orelha a orelha. A Tiva se tornava candidatíssima ao título, vencendo e convencendo a torcedores e amedrontando os seus adversários, como poucas vezes ocorrera no período Desportiva Capixaba, ela tinha a alma de Desportiva Ferroviária e causava medo e apreensão em seus futuros adversários seja em casa ou fora.


Edinho da Desportiva  deixa Bruno Guarapari para trás 
 Mais uma goleada na partida seguinte desta vez no estádio Davino Matos que já viu verdadeiras batalhas entre Guarapari e Desportiva,  principalmente nos anos 80 quando o Guarapari viveu o seu auge sendo vice campeão em 1982, e em 1986  quando perdeu para a Desportiva inclusive, e sendo campeão em 1987, o clube ainda foi vice novamente em 1990. Mas nesta partida não ouve batalha houve massacre, a Desportiva aplicou 5x0 nos donos da casa, que tinha em seu time um jogador muitíssimo conhecido pelo torcedor grená, nada mais que Welder um verdadeiro matador, craque de bola que nos anos 90 fez a alegria da torcida grená como na final do capixaba de 1992 contra o Comercial de Muqui quando  na partida de ida marcou os dois gols da vitória grená de virada por 2x1,  facilitando ainda mais o caminho em mais esta conquista do título com a vitória por 3x0 no Araripe. Porém o massacre só teve início aos  46 do 1º tempo com Egmar, depois disso a porteira abriu na 2ª etapa, Thiago aos 2, Mateus aos 6 Edinho aos 22 e Davi aos 36 deram os números finais ao incrível 5x0 em plena casa do rival, que já não era mais o mesmo dos anos 80, a Tiva fazia uma campanha perfeita, atropelando quem entrasse nos trilhos grenás sem piedade.
Pequena matéria com Welder naquela época.


Júlio César da Desportiva em ação contra o Unidos
Jogando no estádio do Motorista em São José do Calçado , ali o primeiro adversário conseguiu não ser atropelado pela equipe  grená vitória da Tiva por "apenas" 2x1, que  até esta partida havia marcado 13 gols em 3 jogos, não goleamos mas vencemos que é o mais importante, mas importante  foi que esta vitória  nos classificou para a semi final Thiago e Zé Afonso marcaram. Na partida seguinte com o time já classificado e relaxado pela primeira vez a Desportiva não venceu o jogo, chegou e estar perdendo por 2x0 com 19 minutos de jogo, mas aos 32 o resultado já era empate em 2x2 , este foi o placar final com o Tupy no Gil Bernardes, que  serviu para garantir a 1º posição da 1ª fase e  a vantagem de jogar por dois resultados iguais na semi final e final. 



Estádio do Motorista

Encerrando nossa participação na 1ª fase voltamos a golear o Guarapari, desta vez  por 4x1 no Araripe, com dois gols de Diego um de Júlio César outro de Zé Afonso, fechando nossa participação de forma invicta com apenas 2 pontos perdidos de 18 possíveis. Na imagem a baixo podemos ver Diego sendo atingido por cotovelada de Hermano do Guarapari, ele foi caçado dentro de campo, os adversários estavam irritados com ele não só pelos dois gols marcados na goleada mas pelo rendimento dentro de campo que era sensacional...



2ª Fase Semi final

Nosso adversário seria o Aracruz que segundo colocado no grupo A, com 2 vitórias 2 empates e 2 derrotas, vinha de uma goleada sofrida por 6x1 para o Rio Bananal, mas esta goleada não iludiu a equipe grená que poderia achar que a partida seria fácil. Na partida de ida isso ficou muito claro, afinal no estádio do Bambu o placar final foi 2x1 para os adversários, a partida foi equilibrada em todos os sentidos tanto é que o 1º gol só foi sair aos 5 do segundo tempo com Paulinho Pimentel de pênalti, mas a vantagem dos donos da casa não durou nem 10 minutos direito, pois aos 16 Matheus deixou tudo igual, nossa Tiva ainda perdeu o capitão Alex Passos expulso de campo, mesmo assim fomos para cima, e foi em um contra ataque que o Aracruz acabou marcando o 2x1 novamente com Paulinho Pimentel aos 38 minutos, fazendo com que os interioranos jogassem pelo empate.

partida de ida na semi final 
A partida de volta que garantiria uma das duas equipes na elite do capixaba em 2008, o empate era para o Aracruz e vitória por qualquer placar daria a vaga a Desportiva, o jogo começou com Terceirinho volante grená tendo o nariz quebrado por uma cotovelada logo aos 3 minutos, sintoma de que a vaga na final seria conquistada com muita garra e superação, afinal a série B capixaba é onde o filho chora e a mão não vê, esta partida ocorreu briga dentro e fora de campo, jogadores de Desportiva e Aracruz durante a partida, e seus torcedores após a partida brigaram sem pudor devido aos ânimos acirrados pela decisão na final. O gol do jogo foi marcado por Egmar  de letra aos 47 do primeiro tempo após cruzamento de Diogo, isso foi coisa do destino pois no vestiário Zé Afonso atacante titular foi vetado e Egmar entrou em sua vaga e marcou seu nome na história grená ao marcar o gol que deu o retorno de nossa Tiva a série A. 
Desportiva 1x0 Aracruz

Final

Agora a briga pela taça seria entre Desportiva e Rio Bananal, a partida de ida foi em Rio Bananal no estádio Virgílio Grassi, estádio acanhado pequeno sem comodidade coisas que só no Espírito Santo acontecem, estádio não suporta 2 mil pessoas e não existe divisão de torcidas, mas como já foi dito aqui a a série B  capixaba é onde o filho chora e a mãe não vê...
A partida começou com a Desportiva sonolenta e levando um gol logo aos 8 minutos de jogo de pênalti,  a Tiva ainda se recuperava  do baque quando aos 28 sofreu o segundo gol, ainda no 1ª tempo a Desportiva poderia diminuir o placar se caso Antônio Buaiz aquele mesmo preso com maconha em 2012 tivesse assinalado um penal aos 47 minutos quando Caetano do Rio Bananal colocou  a mão na bola dentro da área. 

Desportiva em Rio Bananal na partida de ida da final
Na segunda etapa a Tiva pressionou e mesmo fora de casa dominou o adversário criou várias chances porém não conseguia o empate...O relógio já marcava 40 minutos da etapa final, e a torcida rival tripudiava do 2x0 que daria a vantagem de perder por até um gol para conquistar o título de campeão capixaba 2007 série B, mas eis que Davi cala os adversários ao diminuir o placar para 2x1,  e por pouco Alex Gomes não deixou tudo igual, o Rio Bananal levou mesmo a vantagem do empate para o Araripe.
Virgílio Grassi em Rio Bananal

O jogo do título

 Ao final da partida de ida Edinho o grande destaque da Tiva nesta competição disse o seguinte "O gol veio no momento certo e vamos partir pra cima deles em nossa casa". E ele estava falando muito sério pois logo aos 2 minutos começou o show da Desportiva e de Zé Afonso, nosso centro avante de cabeça abriu o placar 1x0 parava a Tiva!!! Agora era a Tiva que jogava com vantagem, ao Rio Bananal agora só o empate serviria, mas parece que Odvan, sim aquele mesmo ex-Vasco sabia que a coisa seria feia, tanto é que conseguiu com aquele tamanho todo se contundir em uma dividida 1 minuto depois do nosso gol, e como foi em Rio Bananal a Tiva também ampliou na casa dos 20, aos 26 veio o segundo gol com Zé Afonso novamente, após rebote de falta cobrada por Edinho a primeira etapa foi mesmo finalizada 2x0 para a Tiva, o Rio Bananal estava na mesmo situação  que a Desportiva havia passado  na partida de ida, cabia saber se eles teriam o mesmo preparo psicológico que os grenás tiveram para voltar e jogar com calma, para suportar esta pressão de estar atrás do placar com desvantagem de 2 gols ainda na primeira etapa, porém com uma grande diferença, os mais de 10 mil pagantes grenás que estavam apoiando o tempo todo diferente de lá em Bananal onde o estádio cabem 2 mil pessoas se abarrotando nos mínimos espaços.


A segunda etapa já começou com gol de pênalti marcado  por Zé Afonso sofrido por Gilmar aos 8 minutos, ali a Tiva fechava  caixão e garantia a taça inédita de campeã capixaba da série de acesso, o Rio Bananal ainda descontou aos 35 mas era tarde demais para qualquer coisa, a festa era grená, os mais de 10 mil presentes comemoraram muito o título com direito a invasão de gramado como manda o figurino.
Zé Afonso nos braços da galera no título




Campanha do título 2007

10 partidas com 7 vitórias 1 empate e 2 derrotas, 27 gols marcados e 9 gols sofridos
Desportiva   3x0  Tupy 22/abr
Desportiva   5x1  Unidos 29/abr
Guarapari    0x5  Desportiva 01/mai
Unidos       1x2  Desportiva 06/mai
Tupy         2x2  Desportiva 13/mai
Desportiva   4x1  Guarapari 20/mai
Aracruz      2x1  Desportiva 26/mai
Desportiva 1x0 Aracruz 03/jun
Rio Bananal  2x1 Desportiva 10/jun
Desportiva 3x1 Rio Bananal 17/jun

Os artilheiros da Desportiva
5 gols
 Diego e Zé Afonso

 3 gols
Edinho e Egmar

2 gols 
Thiago e Matheus

1 gol
Gilmar, Júlio César  e Pablo








As duas fotos a baixo são dos arquivos de Júlio Terceiro o Terceirinho que foi campeão em 2007
 partida final Desportiva 3x1 Rio Bananal
partida final Desportiva 3x1 Rio Bananal