Translate

14 de junho de 2015

Artilheiros do campeonato capixaba pela Desportiva Ferroviária





A Desportiva sempre teve como tradição  muitos artilheiros , Luizinho, Zezinho Bugre, Welder, Mario Matador, Tico Mineiro, David Dener, Arino, Paulinho Pimentel, Washington, Wilson, Bezerra, Botelho, Naldo, Paulistinha, Moreira e tantos outros que se destacaram em marcar gols com a camisa grená, devido a esta tradição de grandes artilheiros é a Desportiva que tem o maior número oficial de artilheiros  no estadual 9 vezes no total.

David Dener é o maior artilheiro em um mesmo estadual, e Zezinho Bugre o único a ser duas vezes artilheiro pela Tiva, mas Mário Matador se destaca por ser o maior artilheiro em números de gols marcados no mesmo ano, mesmo sendo o vice artilheiro de 1994.



Os artilheiros do estadual com a camisa grená
1965  Arino                     10 gols 
 1966  Bezerra                    11 gols 
1967 Moreira                    14 gols
1974 Zezinho Bugre          10 gols
1976 Zezinho Bugre          15 gols
1977 Wilson                      14 gols
1992 Washington               09 gols
2009 Paulinho Pimentel     14 gols
2013 David Dener             16 gols


* 1964,1968, 1969, 1970, 1971, 1972  e 1979 não foram encontrados registro oficiais.


Arino na época que a Tiva ainda era canarinho
O primeiro artilheiro oficial da lista é Arino (comum ver escrito Arinos também) em 1965, foi artilheiro bicampeão estadual 64/65, a Tiva marcou 29 vezes em 10 jogos e Arino marcou 10 vezes, uma média fenomenal de um gol por partida, naquela equipe incrível que foi campeã invicta.



1966 foi a vez de Bezerra ser o artilheiro maior, ele que já vinha desde 1964 deixando o dele por várias vezes, como nos 10x1 sobre o Vila Nova em 1965 que ele marcou 3 vezes, ou na vitória por 3x2 sobre o Rio branco onde levantamos nosso primeiro estadual, Bezerra marcou duas vezes. No nosso primeiro título da história, torneio amistoso cidade de Vitória, Bezerra marcou o 2º na vitória por 2x1 contra o Vitória/ES, ou seja ele era predestinado a nos dar títulos e alegrias. 




1967 Foi Moreira, que na mesma partida 7x0 contra o Castelo marcou 5 vezes, ele além de ajudar a Desportiva conquistar o 3º título foi o artilheiro com 14 gols, a Desportiva marcou 26 em 12 jogos.



1974 e 1976  Zezinho Bugre um dos maiores atacantes da história grená foi duas vezes artilheiro pela Tiva, e em 1980 ainda conseguiu mais uma vez ser artilheiro, desta vez pelo Barrense de Barra de São Francisco, como diz o ditado "gol era com o Bugre", marcou 19 vezes naquele ano, até hoje ninguém ultrapassou essa marca em um mesmo estadual. Em 1974 foram 10 gols, a Desportiva marcou 22 gols em  13 jogos até o título. Em 1976 foram 15 gols de Bugre, a Desportiva disputou  17 jogos até o título estadual marcado 31 gols, em 76 na goleada de 4x0 sobre o São Mateus fora de casa Zezinho foi as redes 4 vezes.



1977  no ano de mais um título estadual o artilheiro máximo também foi grená, Wilson balançou as redes 14 vezes, a Desportiva marcou 51 gols em 32 jogos. Na vitória de 4x0 sobre o Industrial Wilson fez todos os 4 gols, a partida terminou em 0x0 a primeira etapa, mas em 18 minutos ele resolveu, marcou 1x0 aos 2 minutos, 2x0 aos 4 minutos, 3x0 aos 12 e 4x0 aos 18 minutos minutos, no empate em 1x1 com Leão de São Marcos ele fez o dele. Abaixo algumas partidas em que ele marcou gols.
Desportiva 4x0 Industrial
4 gols
Desportiva 1x1 Leão de São Marcos 
1 gol
Desportiva 5x0 Caxias 
1 gol
Desportiva 3x1 Santo Antônio
1 gol
Desportiva 3x1 Guarapari 
1 gol



Após 77 ficaríamos diversos estaduais sem o artilheiro, Washington quebrou essa fase, na campanha campeã de 1992, ele marcou 9 vezes, este ano terminou com  4 artilheiros empatados com 9 gols, Marcelo Cabeção (Linhares EC), Cássio (Muniz Freire), Sérgio Cogo (Vitória) e Valério (Alfredo Chaves). No vídeo a baixo Washington marcando na final do capixaba de 1992.


Em 2009 a artilharia de Paulinho Pimentel consolidou o nome do jogador com um dos maiores artilheiros grenás, foram 14 gols, a Desportiva marcou 26 gols em 18 jogos, ou seja a cada dois gols um era de Pimentel. Ajudou a Desportiva vencer várias vezes, nos 4x0 no Linhares, nos 3x1 no Atlético Colatinense, nos 3x0 no GEL e no 2x1 no São Mateus. Paulinho  foi mais uma vez artilheiro estadual, em 2012 marcou 18 vezes pelo Botafogo de Jaguaré, ficando 1 gol de igualar Bugre como maior marcador no mesmo ano. 




Em 2013 no retorno da tradição, a Desportiva Ferroviária faz outro artilheiro, David Dener, marcou 16 vezes e foi crucial para o título, difícil era uma partida em que Dener não guardava o dele...Contra o Vitória (5x0) e São Mateus (2x2) Dener balançou as redes duas vezes na mesma partida. Mas nas finais não podemos contar com ele 1000%, mesmo assim o elenco era forte e foi campeão mesmo sem nosso artilheiro.

As vítimas de David
03 gols 
Vitória  São Mateus

02 gols 
Espírito Santo
Aracruz
Conilon
Real Noroeste

01 gol 
Estrela
Linhares




Em 1994 Mário Matador por muito pouco não foi artilheiro , marcou 17 gols e ficando 1 atrás de Jorge Luiz do São Mateus, mas em compensação foi campeão capixaba daquele ano , no mesmo ano marcou mais 17 gols na série B do brasileiro também sendo vice artilheiro da competição, estes 17 gols merecem registro pois é o recorde de gols em um mesmo estadual por parte de atleta grená.
Os maiores recordistas são :
19 gols
Zezinho Bugre, Barrense em 1980
18 gols
Kosilec, Rio branco em 1973
Zé Carlos, Baiano Muniz Freire 1991
Jorge Luiz, São Mateus em 1994
Paulinho Pimentel, Linhares 2012
17 gols
Mario Matador, Desportiva em 1994
Arildo, Rio branco em  1983
Marcos Roberto, Aracruz em 1997