Translate

23 de julho de 2016

Desportiva x Serra/ES



Se o Serra tem mais vitórias, a Desportiva é que tem as vitórias mais importantes no clássico.
Nas duas vezes em que decidiram algo a Desportiva levou a melhor 2000 e 2012. 

Tudo começa em 1971 quando o Serra ainda era amador, em partida amistosa em 25 de julho a Desportiva venceu por 2x0. 
Na primeira partida oficial a história se repetiu, Desportiva 2x0  jogo válido pelo estadual de 1998.

São 39 partidas registradas, 11 vitórias da Desportiva, 10 empates, 17 derrotas, a Desportiva marcou 58 vezes contra 65 do adversário.

O confronto se divide em duas partes, antes e depois da transformação em clube empresa da Desportiva. Ninguém soube aproveitar tanto a fase ruim da Capixaba S/A em campo quanto o Serra, das 27 partidas disputadas entre Serra e Desportiva Capixaba  foram 16 vitórias do Serra, a única vitória do Serra contra a Desportiva Ferroviária aconteceu em 1998 por 3x0 pelo returno do estadual. 
Se tratando de Desportiva Ferroviária x Serra foram 10 partidas, 6 vitórias da Desportiva, 3 empates e apenas 1 derrota, 18 gols a favor contra 9 do rival, ou seja no nosso pior momento da história o Serra vivia o seu melhor, isso fica claro nos resultados em confrontos diretos, hoje o Serra vive oque passamos nos anos 2000.

O maior período sem derrotas no clássico é do Serra, foram 9 partidas sem derrotas. Em 9 de setembro de 2001 as duas equipes empataram em 1x1 no Eng Araripe, durando até 8 de setembro de 2007 quando a Desportiva venceu por 2x0 encerrando o jejum. Foi neste período que o Serra ultrapassou em número de vitórias, até 2002 a Desportiva tinha vantagem nos confrontos.

Campeonato Brasileiro Série B 2001
Desportiva 1x1 Serra 09/set
Serra 1x1 Desportiva 27/out

Capixaba 2002
Desportiva  0x2  Serra 13/fev
Serra           1x0  Desportiva 21/abr

Copa ES 2003
Desportiva  1x4  Serra   nov/01
Serra           4x3  Desportiva nov/26

Capixaba 2004
Serra             1x0  Desportiva 18/abr
Desportiva    1x2  Serra 20/jun

Copa ES 2007
Serra            2x1  Desportiva 24/ago

Quando o suplício parecia ter sido encerrado a Desportiva novamente passou a ter fracassos contra o Serra, foram mais 8 partidas sem vencer o rival. Após o empate em 8 de janeiro de 2008, a Tiva só voltaria vencer em 27 de agosto de 2011 pela Copa ES já com o fim da parceria com empresários encerrada.

Capixaba 2008
Desportiva       2x2  Serra 23/jan
Serra            2x1  Desportiva 08/mar

Copa ES 2008
Serra 2x2 Desportiva 30/ago
Desportiva 1x2 Serra 01/out

Capixaba 2009
Serra            2x1  Desportiva 23/jan
Desportiva       3x3  Serra 25/mar

Capixaba 2010
Desportiva      2x4  Serra 17/mar
Serra           3x2  Desportiva 17/mai

Curioso que essa vitória representava o inicio do maior jejum sem derrotas da Desportiva contra o time serrano, atualmente são 8 jogos sem derrotas, inclusive com decisão de vaga na final de Copa ES em 2012 com vitória grená com gol aos 51 do 2º tempo em pleno Robertão.  

Copa ES 2011 
Desportiva  3x1  Serra 27/ago
Serra   1x4  Desportiva 30/set

Copa ES 2012
Desportiva 2x2 Serra 04/ago
Serra 1x1 Desportiva 08/set
Desportiva 1x1 Serra 27/out
Serra 0x1 Desportiva 03/nov

Copa ES 2016
Desportiva 2x0 Serra 24/jul

Serra 1x1 Desportiva 27/ago


O Serra jamais venceu uma partida decisiva contra a Desportiva, mas pode se gabar de ter aplicado a maior goleada , o dia fatídico foi em 10 de setembro de 2000, era a primeira partida entre as equipes após a final do estadual que terminou com goleada da Desportiva por 3x0. O Serra atropelou vencendo por 6x0, em 40 minutos de jogo estava 4x0. Não se sabe ao certo oque levou a Desportiva fazer uma das piores  partidas de sua história, ainda mais por ser o atual campeão estadual, mas nas 4 partidas anteriores a equipe havia perdido todas, marcando 4 gols sofrendo 14 naquele Brasileiro Série B.

Ficha Técnica
Desportiva 0x6 Serra
Local : Estádio Engenheiro Araripe, Vitória
Cartões amarelos : Andrade, Sharley (Desportiva), Carlinhos e Marcelo Ribeiro (Serra).
Juiz : Antônio Buaiz Filho (ES)
Desportiva : Merivaldo, Léo Gonçalves, Andrade, Ditinho e Nielsen; Juninho, Júlio César, Leco (Charles) e Nando (Miquimba); Luciano e Sharley. Técnico: Marcos Nunes

Serra : Ronaldo Campo, Polaco, Ituano, Parreira e Aílson; Carlinhos, Édson Garcia (Marcio), Marcelo Ribeiro e Peres (Franklin); Índio e Preto (Valério). Técnico: Marcos Magalhães.
Gols : 1º tempo.Preto (18', 24', 32' e 40'), 2º tempo. Carlinhos (22') e Valério (37'). 

Do lado grená a maior goleada foi um 4x1 válido ela Copa ES de 2011 em pleno Robertão caso do rival. A partida teve o placar aberto por Gilmar aos 15 minutos, aos 26 o Serra empatou com um frango incrível de Dênis, mas isso ão fez diferença no fim pois a locomotiva marcou mais 3 vezes, Arpini aos 42 do 1º tempo, Gilmar novamente aos 30 e Flávio aos 39 do 2º tempo. 


Ficha técnica
Jogo: Serra 1x4 Desportiva
Copa Espírito Santo. Chave A 1a Fase 7a Rodada.
Local: Estádio Robertão. Serra (ES) 
Público: 581
Renda: R$ 4.485,00
Data: 30/09/2011 
Árbitro: Fabiano Alves.
Serra: Rodrigo, Poney (Lucas), Claudião, Ivo, Matheus, Maurício, Piu, Tupã (Paulo Roberto), Magalhães, Kaio (Oliveira) e Gil. 
Técnico: Zinho.
Desportiva: Dênis, Thiago (Douglas), Devid, Tony (Suel), Giovane Silva, Diogo, Gilmar, Arpini, Léo Oliveira (Raí), Flávio e Pablo.
Técnico: Mauro Soares.
Gols :  do Serra: Gil (26/1ºT). Gols da Desportiva: Gilmar (15/1ºT), Arpini (42/1ºT), Gilmar (30/2ºT) e Flávio (39/2ºT).
Expulsões: Matheus e Claudião (Serra). Deivid e Pablo (Desportiva).


Decisões


Campeonato Capixaba 2000
Foram duas decisões entre as equipes, uma em 2000 no estadual outra na Copa ES em 2012.
Em 2000 a Desportiva já era clube empresa, após se classificar entre os 4 melhores na classificação geral eliminou o Estrela do Norte, a final seria inédita contra o Serra que havia eliminado o Rio Branco em duas partidas, o Serra tinha vantagem na melhor de 3.
Na partida de ida no Estádio Engenheiro Araripe a Tiva mudou a vantagem de dono ao vencer com um golaço de Léo Gonçalves cria grená. 
Na partida de volta no Robertão o empate em 2x2 o primeiro entre as equipes em 9 jogos,  ficou em segundo plano, o motivo uma arquibancada móvel montada no estádio para aumentar a capacidade cedeu  ferindo várias pessoas, infelizmente uma criança faleceu na queda desta arquibancada.
Na melhor de 3 chegou então a "vera", o Serra era obrigado a nos derrotar para conquistar o título, a partida foi mudada para o Kleber Andrade ainda casa do maior rival. A Desportiva foi totalmente dominante, o Serra foi presa fácil, Sharlei duas vezes e Miquimba construíram a goleada da Tiva por 3x0, foi nossa primeira goleada diante do rival e já logo em uma final!
Desportiva 1x0 Serra 1ª partida da final


Serra 2x2 Desportiva 2ª partida da final


Serra 0x3 Desportiva 3ª partida da final



Copa Espírito Santo 2012
A outra decisão aconteceu em 2012, o Serra montou um time graças a um empresário para disputar a Copa ES, a Desportiva havia acabado de subir para série A após conquistar o estadual. 
Na primeira fase foram duas partidas entre as equipes, no turno no Araripe empate em 2x2, no returno no Robertão empate agora em 1x1.
O Serra havia sido o líder da Chave na 1ª fase e jogava por dois resultados iguais, na partida de ida no Eng Araripe quando o Serra abriu o placar obrigava a Desportiva a vencer por 2 gols de diferença na volta, mas na ida mesmo buscou o empate, pressionou buscando a vitória mas ela não veio, ficava então agora na obrigação de vencer no Robertão para avançar. Partida de volta foi nervosa, muita catimba do lado do Serra, jogador sendo expulso no banco de reservas, jogo parado por vários minutos, e muito tempo de acréscimos, o Serra já estava acomodado pelo 0x0 mas até  poderia ter aberto o placar com Ronicley que perdeu gol cara a cara com Felipe depois dos 40 minutos, e a bola puni e aos 51 minutos bola levantada na área vindo e cobrança de lateral , a zaga falha ela sobra para Vitor Visa que chuta no canto de Walter fazendo o gol da classificação grená!  
Jogo: Serra 0x1 Desportiva
Copa Espírito Santo. 
Semi Final 2º Jogo
Local: Estádio Roberto Siqueira Costa "Robertão". Serra (ES)
Público: 1.000
Renda: R$ 11.500,00
Árbitro: Rudimar Goltara.
Serra: Walter, Douglas, Waguinho, Jaílson, Ratinho (Jeanderson), Caetano, Gil Baiano, Ciélio (Júnior Pitbul), Ronicley, Badinho e Pablo (Magalhães).
Técnico: José Sarmento “Zinho”.
Desportiva: Felipe, Renatinho, David, Tony, Ayrton, Carlos Alberto (Vitor Visa), Gilmar, Carlos Vitor, Alves (Feijão), Flávio Santos (Renan) e Hércules.
Técnico: Mauro Soares.
Gol da Desportiva: Vitor Visa (51/2ºT).
Expulsão: Pablo (Serra). Foi expulso do jogo quando já havia sido substituído. 
Serra 0x1 Desportiva

Em 2016 mais duas partidas pela 1ª Fase da Copa Espírito Santo, no turno no Eng Araripe vitória da Desportiva por 2x0, gols de Tatá pênalti aos 6 minutos e Madison aos 34 minutos do 1º tempo. No returno no Robertão empate em 1x1.

Post atualizado em 27 de agosto de 2016